Frente Parlamentar de Segurança Pública responde com representação às declarações estapafúrdias do Presidente da CONTAG

0
1624
Aristides Santos, Presidente da CONTAG. Declarações infelizes e empolgadas

Os 294 integrantes da Bancada da Frente Parlamentar de Segurança Pública do Congresso Nacional, cujo Presidente é o Deputado Federal Alberto Fraga, não gostaram nada das declarações do Presidente da CONTAG (Confederação Nacional dos Trabalhadores da Agricultura), Aristides Santos, que num momento inoportuno e frente à Presidente da República fez apologia à invasão de propriedades parlamentares favoráveis ao impeachment, num evento realizado em pleno Palácio do Planalto dia 1/04/2016.

Em seu descabido discurso, o referido representante usou os seguintes argumentos:

  • “A forma de enfrentar a bancada da bala contra o golpe é ocupar as propriedades deles, ainda lá nas bases, lá no campo. E é a CONTAG, é os movimentos sociais do campo que vão fazer isso. E ontem dizíamos na passeata: Vamos ocupar os gabinetes, mas também as fazendas deles, porque, se eles são capazes de incomodar um ministro do Supremo Tribunal Federal, nós vamos incomodar também as casas, as fazendas e as propriedades deles” (G.N.);

O Artigo 147 do Código Penal é claro – Ameaçar alguém, por palavra, escrito, ou gesto, ou qualquer outro meio simbólico, de causar-lhe mal injusto e grave e o Artigo 286 – Incitar, publicamente, a prática de crime, além da possível infração ao Artigo 288 – Associarem-se 3 (três) ou mais pessoas, para o fim específico de cometer crimes, podem e devem, ser aplicados ao presidente da CONTAG.

Fato mais grave, segundo a Frente Parlamentar, foi o ato ter sido praticado dentro de um órgão público, o Palácio do Planalto, transmitido em rede nacional de televisão e na presença da maior autoridade constituída de um país, a Presidente da República, sob pena de prejudicialidade da própria ordem democrática do país.

É, tudo indica, mais uma vez, que o tiro acabou saindo pela culatra….

Por Poliglota…

Frente 1.1 Frente 2.2 Frente 3.3

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA