Policiais Militares que participaram do confronto no Sul contra marginais serão condecorados

0
2813
De acordo com o coronel Freitas (Centro), a ação foi conduzida com muita técnica policial, agilidade e coragem

Comandante-geral da BM elogia atuação dos policiais militares

O comandante-geral da Brigada Militar, coronel Alfeu Freitas Moreira, concedeu entrevista coletiva à imprensa neste sábado (23), no Quartel do Comando-Geral, em Porto Alegre. O oficial reiterou que os policiais militares envolvidos na ocorrência dessa sexta-feira (22) na Zona Norte de Porto Alegre, com troca de tiros e quatro criminosos mortos, devem ser tratados como heróis.

Os indivíduos, todos com extensa ficha criminal e armados com pistolas 9 milímetros e um fuzil 556, iniciaram o confronto quando dispararam tiros contra os policiais em uma tentativa de abordagem, momento em que dois PMs foram feridos.

De acordo com o coronel Freitas, a ação “foi conduzida com muita técnica policial, agilidade e coragem, garantindo a integridade física de terceiros e dos próprios policiais”, em uma área com intensa circulação.

O comandante-geral convida a população para que venha até a Academia de Polícia Militar (APM), nesta quinta-feira (28), às 8h30, cumprimentar e homenagear os policiais militares pela ação. No evento, além da guarnição do 11º Batalhão de Polícia Militar, serão condecorados outros brigadianos pela atuação em ocorrências de destaque. Inserido nas comemorações do Dia do Policial, comemorado do último dia 21, o ato ocorre na sede da APM, na Av. Aparício Borges, nº 2001, bairro Partenon.

O caso

O confronto teve início quando a polícia suspeitou que dois carros que circulavam pelo bairro Vila Jardim poderiam ser roubados. De acordo com a Brigada Militar, antes mesmo da resposta sobre a consulta da placa do veículo, os bandidos começaram a atirar. Dois policiais ficaram feridos.

Uma segunda viatura se locomoveu até o Hospital Cristo Redentor para socorrer os dois policiais que tinham sido baleados, mas ao chegarem ao local encontraram de novo o carro dos bandidos, e teve início um intenso tiroteio. Com os suspeitos foram encontrados um fuzil e quatro pistolas.

Os quatro foram identificados na tarde deste sábado. Conforme a polícia eles são: Júlio César de Moura Santana, 22 anos, Anderson Henriques da Silva, 29 anos, e Cláudio Bandeira da Silva, 19 anos, e Luiz Cainan Ribeiro da Silva,  20 anos.

Todos os bandidos possuíam antecedentes criminais por homicídios, furtos e roubos de veículos, receptação, roubo a estabelecimento comerciais, tráfico de drogas e porte ilegal de armas.

Fonte: Secom BM + G1 sul