Laja Jato no Cerrado

0
1051

Alguns ex-integrantes do governo de Agnelo Queiroz (PT) estão em pânico. A Lava Jato está no cerrado apurando desvios no programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal. Os cidadãos que comandavam a SEDHAB até venderam áreas institucionais, segundo informações. Sem falar que obrigaram igrejas e chacareiros no Recanto das Emas a vender suas áreas para que grandes edifícios fossem erguidos em área verde, para a alegria das construtoras.

Na última semana, o ex-deputado federal Geraldo Magela (PT-DF) foi conduzido para depor durante a Operação Clã, deflagrada pela Polícia Federal. Ele é suspeito de ter sido conivente com a atuação de uma quadrilha que cobrava taxas ilegais para conceder lotes de terra da quarta etapa do Programa Habitacional Riacho Fundo 2, feito em parceria entre a União, o governo do Distrito Federal e entidades da sociedade civil.

Candidato ao Senado derrotado em 2014, Magela comandou a secretaria de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano do DF durante a gestão do governador Agnelo Queiroz (PT).

A pasta em questão era responsável por fiscalizar a liberação dos lotes que agora estão na mira da PF.

O bicho vai pegar. Ou já pegou?

Por Donny Silva

Blog do Donny Silva