Rollemberg aciona o STF contra Laerte Bessa após ser xingado

0
775

Em discurso na Câmara no último dia 17, o deputado federal fez uma série de ofensas ao governador, chamado de “maconheiro” e de “bandido”

Após ser chamado de “maconheiro”, “safado”, “bandido”, “frouxo” e “cagão”, Rodrigo Rollemberg (PSB) entrou com uma queixa-crime contra o deputado federal Laerte Bessa (PR-DF). Na ação, apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF), o governador acusa o parlamentar de ter praticado crimes de injúria e difamação durante discurso no plenário da Câmara em 17 de outubro.

Quem assina a ação é Gabriella Rollemberg, filha do socialista. “Queremos o reconhecimento de que o deputado ultrapassou as prerrogativas parlamentares no momento em que ofendeu o governador Rodrigo Rollemberg. A atitude dele nada tem a ver com o mandato de deputado e, caso seja condenado, pode até perdê-lo”, disse a advogada ao Metrópoles. Gabriela afirmou ainda que, na próxima semana, entrará com ação por danos morais.

MAIS SOBRE O ASSUNTO

PSB protocola representação na Câmara e pede cassação de Laerte Bessa

Rollemberg barra Laerte Bessa, que reage aos berros de “maconheiro”

No STF, o caso será relatado pelo ministro Luiz Edson Fachin. Caberá à Primeira Turma decidir se Laerte Bessa responderá a ação penal na Corte.

No último dia 20, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, protocolou representação no Conselho de Ética da Câmara contra Bessa. No documento, o partido de Rollemberg acusa o deputado de agir de forma “incompatível com o mandato parlamentar”.

O clima entre Bessa e Rollemberg esquentou depois que o governador impediu a entrada do deputado em uma reunião para discutir o reajuste pedido pelos policiais civis do DF, no Palácio do Buriti, no último dia 20. Em seguida, começaram os xingamentos por parte do parlamentar, que, no mesmo dia, criticou o governador em discurso no plenário da Câmara.

Até a última atualização desta matéria, Laerte Bessa não havia se manifestado sobre a ação.

Veja o discurso em que o deputado federal ofende o governador:

https://youtu.be/XyRSzWaZilE?t=63%20

Fonte: Metropoles.com