Alô governador: Não aceitamos ficar de fora

1
1101

Parece que o puxão de orelhas nas benditas associações surtiu efeito, vide matéria publicada com exclusividade por nosso espaço, clique AQUI.

Nesta quarta-feira o Fórum de Associações, que na verdade ninguém sabe qual a legitimidade que ele tem para representar os integrantes das corporações militares, foi recebido pelo presidente da Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF) da CLDF, Agaciel Maia, para tratar da Emenda que beneficiará, se aprovada, os policiais civis do DF.

Segundo apurado pelo blog, a Polícia Militar não aceitará manobra nenhuma que beneficie uma categoria em detrimento de outra. Tanto a PCDF como a PMDF e o CBMDF são merecedores de tratamentos igualitários, e isso ficou explicitado nas palavras do Chefe da Casa Militar, Coronel Ribas, como dos Comandantes Gerais da PM e BM, Cel Nunes e Cel Hamilton, respectivamente, ainda esse semestre.

O deputado, que visa claramente alçar a Presidência da Casa para o biênio 2017/2018, ouviu as considerações do aglomerado de associações e se comprometeu a enviar a CEOF (Comissão Especial de Orçamento e Finanças da CLDF) uma proposta que contemple a todos.

Uma coisa é certa: A Polícia Militar cansou de ser o patinho feio da segurança pública e não deixará barato qualquer tipo de discriminação. Os anseios são justos por parte da co-irmã polícia civil, mas não se pode desprezar que a linha de frente de combate ao crime na nossa capital é a Polícia Militar.

pmdf-x-pcdf-1

O deputado tem até o dia 15 de dezembro, quando será votado o orçamento para o ano de 2017, para tomar uma decisão e evitar um desgaste desnecessário no governo e, quiçá, na sua presidência da Casa.

Da redação,

Por Poliglota…

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA