2018 está com cara de WO, diz Bolsonaro

1
3578

O Deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), fez um duro pronunciamento sobre a possível manobra de parlamentares federais que ensejam incluir uma emenda de plenário ao Projeto de Iniciativa Popular contra a corrupção, livrando os corruptos que se beneficiaram de propinas com as grandes empreiteiras investigadas pela Operação Lava Jato e Mensalão.

Diz a possível emenda: “Não será punível nas esferas penal, civil e eleitoral doação contabilizada, não contabilizada ou não declarada, omitida ou ocultada de bens, valores ou serviços, para financiamento de atividade político-partidária ou eleitoral até a data da publicação desta Lei”. Grifo nosso.

Em seu discurso, Bolsonaro afirmou que isso seria uma afronta ao povo brasileiro que já não é mais bobo quando o assunto são eleições. E o parlamento não pode dar margem ao povo para “esculachar” a casa da democracia, pedindo, inclusive, o seu fechamento.

Da redação via Youtube,

Por Poliglota…