O Brasil mostra a verdadeira democracia. Viu PeTralhas?

0
1173

Apesar da pouca divulgação da Rede Globo, maior emissora de TV do Brasil e uma das maiores do mundo, a população do Brasil está dando um exemplo de como se fazer uma manifestação com responsabilidade e respeito à Constituição. Nenhuma ocorrência de quebradeiras e dilapidação de patrimônio público, diferentemente dos bandidos que estiveram presentes na esplanada nessa semana e que deixaram Brasília aos pedaços, apoiados por partidos esquerdistas como PT, PCdoB e PSOL.

Por diversos Estados da federação, milhares de pessoas estão demonstrando aos políticos brasileiros que não querem e não aceitam mais seus regimes fascistas. São milhares, e somados milhões, por todo país a dizer: “Chega, não os toleramos mais!”

Só em Brasília cerca de 10 mil pessoas foram às ruas dizer ao governo que ouça a população. A organização dos eventos foram magníficas e mostraram a face real de uma sociedade que não acredita mais nos governantes e num país em evolução. Não houve baderna, quebradeiras de patrimônio cultural, mas houve estudantes, mas estudantes conscientes que precisam de um país melhor. A avenida Paulista teve 7 quarteirões ocupados, atingindo mais de 1 milhão de pessoas.

Em Curitiba, centro da operação Lava Jato, cerca de mais de 50 mil pessoas compareceram ao evento, segundo dados dos organizadores. As palavras de apoio à operação foram a marca da manifestação.

Duas pessoas ficaram completamente expostas nas manifestações de hoje por todo país: Rodrigo Maia (Presidente da Câmara Federal) e Renan Calheiros (Presidente do Senado), esse último que quis colocar em votação o Projeto encaminhado pela Câmara sobre as 10 medidas contra a corrupção em caráter de urgência e foi esmagadoramente derrotado.

Já o governo Temer deve estar respirando aliviado já que não foi contra o pacote de medidas exigidos pela sociedade. Mas deve ficar alerta, porque os maiores protagonistas envolvidos nessa situação são apoiadores do governo.

Mas se formos avaliar à fundo, não podemos nos esquivar da “Síndrome do Vira-latas”. Já ouviram falar da “Síndrome do Vira-latas? Pois bem, o “complexo de vira-lata” é a inferioridade em que o brasileiro se coloca, voluntariamente, em face do resto do mundo. O brasileiro é um narciso às avessas, que cospe na própria imagem. Eis a verdade: “não encontramos pretextos pessoais ou históricos para a autoestima. Caminhamos para a autofagia, processo catabólico celular que dá origem à degradação”.

Na verdade, e por encerrar, não acredite em algo simplesmente porque ouviu. Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a razão, e que conduz ao bem e benefício de todos, aceite-o e viva-o.

Da redação,

Por Poliglota…