COMUNICADO IMPORTANTE ÀS CATEGORIAS PM e BM

7
6157

Dia 02/02 inicia-se na Câmara e Senado Federal as eleições com vistas às novas presidências das Casas Legislativas. A expectativa para nós, policiais e bombeiros militares, é que o atual presidente, deputado Rodrigo Maia(DEM-RJ), seja reconduzido ao cargo pela simpatia que tem com as forças policiais do Brasil.

Em virtude disso, todos os parlamentares estarão com suas intenções totalmente voltadas para esse tema. Das eleições será possível uma análise mais detalhada sobre o que a Câmara e Senado nos reservam para o próximo biênio.

FragaEm função disso, mantive contato com o nosso representante, deputado Alberto Fraga, sobre a necessidade do comparecimento das classes no Congresso. Segundo o deputado Fraga, “isso não se faz necessário nesse primeiro instante, já que pelo menos dentro de uma semana a 10 dias os trabalhos estarão voltados para a constituição das Comissões e regras administrativas, podendo até a presença ser entendida pelos parlamentares como um meio de intimidação, o que nesse momento não é nada salutar para nós policiais militares”.

Assim que tivermos o posicionamento oficial do que efetivamente acontecerá, imediatamente o deputado Fraga se encarregará de mobilizar as categorias, conforme compromisso firmado com todos.

Segue abaixo, agenda da semana:

  • 01/02 – Definição dos Blocos Parlamentares e escolha dos cargos.

– Formação dos Blocos Parlamentares – até às 12 horas.

– 15 horas – Reunião de líderes para definição, pelos partidos e blocos, dos cargos a que têm direito.

  • Todos os cargos permitem candidatura avulsa, porém apenas candidaturas do mesmo partido ou bloco.
  • O único cargo que permite candidatura sem seguir o princípio da proporcionalidade é o do Presidente da Casa, permitindo candidatura avulsa de qualquer bancada.
  • Prazo de registro de candidaturas – até as 23 horas. Em seguida haverá sorteio da ordem dos candidatos na urna.
  • 02/02 – Eleição da nova Mesa Diretora da Câmara.

– 9 horas – Início da sessão de eleição para os cargos que compõem a Mesa. (1 Presidente, 2 vice-presidentes, 4 secretários e 4 suplentes);

  • A votação só será iniciada quando houver pelo menos 257 deputados em Plenário.
  • A votação será secreta e realizada em cabines eletrônicas, onde o parlamentar irá registrar seus 11 votos de uma única vez.
  • A apuração é realizada por cargo. Somente depois de eleito o novo presidente, serão apurados os votos dos demais integrantes da Mesa, nesta ordem: dois vice-presidentes; quatro secretários; e quatro suplentes.
  • Para ser eleito, o candidato precisa de maioria absoluta dos votos na primeira votação ou ser o mais votado no segundo turno.

– 16 horas – Sessão Solene do Congresso Nacional – destinada à inauguração da 3ª sessão Legislativa Ordinária da 55ª Legislatura.

Da redação,

Poliglota…

7 COMENTÁRIOS

  1. O Dep Rodrigo Maia é do mesmo partido do Dep Fraga, DEM. Vamos torcer para que, caso eleito, o nosso representante consiga impedir, ou pelo menos modificar, o texto desse maldito PLS, pois caso seja aprovado será um desastre para servidores públicos, sobretudo nós, policiais militares.

    Estamos aguardando…

  2. Enquanto a gente fica igual trouxa brigando por Deputado A, Deputado B, os Policias Civis, juntamente com seus representantes estão se reunindo na surdina com o Governador correndo atrás do reajuste deles. Com certeza eles vão conseguir o que querem, enquanto as nossas queridas associações ficam de boca aberta dormindo no ponto. Acoooooordem associações que não servem pra nada.

  3. Devemos estar sempre bem ligados em relação a reajustes salariais… Porém, de nada adiantarão os mesmos, se formos usurpados na reforma previdenciária e em algumas pec’s, como teto salarial, dentre outras, pois retiram o pouco até aqui conquistado com sangue!!! Foquemos nos justos reajustes, MAS NÃO NOS ESQUEÇAMOS DAS “GUERRAS” DENTRO DO CONGRESSO NACIONAL!!!! PELO AMOR DE DEUS “POLIÇADA”!!!!
    Sgt Pedro