Agora, para Lula, só falta a cadeia!

1
744

As declarações bombásticas do ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque em juízo ontem (5/5), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva determinou que João Vaccari, ex-tesoureiro do PT cobrasse propinas às empresas que prestavam serviços à estatal antes mesmo de ele se tornar tesoureiro do PT, jogaram por terra todo e qualquer argumento de Lula e sua defesa para livrar a cara do maior ladrão do Brasil.

Por mais que digam que “as informações não procedem”, “isso é jogada da Lava Jato”, “que não tomamos conhecimento das declarações”, “que isso não tem nenhum cabimento”, a sociedade, como um todo não é mais idiota de acreditar nisso.

Lula e sua quadrilha roubaram o país, nos colocaram num patamar jamais visto antes, desmoralizados e com o crédito da maior corrupção já vista em uma nação. O que mais esses usurpadores do erário público querem, ou desejam?

Ex-diretor da Petrobrás, Renato Duque soltou o verbo em depoimento ao Juiz Sérgio Moro

As declarações de Renato Duque tiveram consistência. Seria impossível alguém esquecer detalhes de uma tramoia como foi esse esquema de propinas, principalmente porque também foi um dos beneficiários. Ao afirmar que a Diretoria de Serviços da Petrobras era loteada ao PT, Duque sabia o que falava. Você imagina o que seja 1% de um contrato de R$ 100 milhões de reais?  Os tesoureiros do PT sabem, e muito. Delúbio Soares e João Vacari Neto sabiam o que estavam fazendo, como faziam e porquê faziam.

Esse Instituto Lula nada mais é do que uma fachada para encobrir as falcatruas desse elemento que marginalizou o Brasil. A desculpa de que os depoimentos que agora vem à tona não passam de fabricação na tentativa de produzir acusações ao ex-presidente Lula nas negociações entre os procuradores da Lava Jato e réus condenados em troca de redução de pena, não passam de delírios de quem os comanda e compactuam.

Lula vai carregado por institutos de pesquisas, forjadamente aliados no passado por conveniências, achando que poderá enganar novamente o povo brasileiro. As pesquisas feitas até agora levantam suspeitas, pois na sua maioria foram feitas nas cidades do nordeste onde Lula conseguiu implantar suas mentiras e leviandades. Como explicar a segunda colocação de um deputado que sequer tem reconhecimento de toda uma nação, como Jair Bolsonaro?

Agora, e não resta a menor dúvida, a equipe da Lava Jato e o Juiz Sérgio Moro estão trabalhando diuturnamente para provar e colocar Lula na cadeia, mesmo contra os interesses do PT. A prova maior disso é que os indícios de provas concretas de crime praticado por Lula e sua quadrilha estão minuciosamente guardadas por Moro e na hora certa serão apresentadas com a prisão preventiva do maior quadrilheiro da história do Brasil e do mundo.

A prisão de Lula é uma questão estratégica. Quem viver verá!

Da redação,

Por Poliglota…

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA