Coronel Rogério Leão se filia nesta terça (12) ao PCdoB de olho no GDF

0
631

Ex-chefe da Casa Militar no governo Agnelo Queiroz (PT), o coronel Rogério Leão se filia nesta terça-feira (12/12) ao PCdoB. A partir do ato, ele pretende construir a base para uma candidatura majoritária no Distrito Federal.

Se a aspiração de Leão se confirmar, será a primeira vez que ele tentará um cargo eletivo. Embora sempre muito alinhado ao PT, na última década, e ocupando postos importantes nas administrações petistas, o coronel nunca testou sua popularidade nas urnas.

Egresso das fileiras militares, Leão corre o risco de dividir base com um já experimentado político da cidade: Alberto Fraga (DEM). Nas últimas eleições, Fraga foi o deputado federal mais bem votado.

Entretanto, o currículo do colega não intimida Leão, quem já prepara discurso de contraponto ao do parlamentar. “Vou defender fortemente os interesses da corporação, que precisa ser respeitada e valorizada, mas sempre com muito bom senso. Essa história de dizer que bandido bom é bandido morto é pura demagogia e não funciona. Bandido bom é bandido que cumpre sua pena até o fim”.

MAIS SOBRE O ASSUNTO

Em briga acalorada, deputado Fraga manda coronel Leão ir “tomar no cu”

A filiação do coronel Leão está marcada para as 11h30 desta terça, na liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados. A presidente nacional do partido, deputada federal Luciana Santos (PE), estará presente, além de outros nomes de expressão da legenda.

Antes de atuar no governo Agnelo, Leão trabalhou durante oito anos na Presidência da República. Coordenava o serviço de inteligência do Palácio do Planalto.

Fonte: Metropoles.com