Família de PM é ameaçada em Samambaia e militar usa gás de pimenta para protegê-la

0
2012

Por Poliglota…

“A ARMA, CLASSIFICADA COMO DE MENOR POTENCIAL OFENSIVO, FOI UTILIZADA DIANTE DA SELVAGERIA DE ADULTOS E ADOLESCENTES AMEAÇANDO O POLICIAL E SUA FAMÍLIA”

O DFTV 1ª Edição de ontem (14) mostrou uma reportagem onde um policial militar usou gás de pimenta para dispersar uma multidão que fazia baderna na frente de sua residência. Segundo o noticiário, tratava-se de “crianças”.

Antes de mais nada, é bom lembrar o que diz a Lei: “O artigo 42 do Decreto-Lei n° 3.688/41 estabelece prisão de 15 dias a 03 meses ou multa para quem perturbar o sossego sob qualquer meio, seja através de uma festa noturna, uso de instrumentos musicais ou qualquer forma de barulho”, grifo nosso.

O blog teve acesso às imagens das câmeras existente na rua da QR 408 de Samambaia, onde mora o policial e sua família, e o que se presencia não são “crianças”, mas sim adolescentes e adultos instigando a violência e desrespeitando o sossego alheio.

Mantivemos contato com o policial, que mesmo sendo exposto pela Rede Globo nós obviamente vamos manter em sigilo por questão de segurança, e a versão não condiz com o que foi divulgado nos meios de comunicação.

Segundo o policial, que narrou os acontecimentos, essa prática é constante na rua. Jovens e adultos resolvem altas horas da noite iniciar jogos e gritarias na rua, incomodando os vizinhos. Cansados de tanta falta de respeito, os filhos do policial, que mesmo em período de carnaval estavam estudando, saíram para solicitar que “maneirassem” no barulho, momento em que começaram a ser agredidos verbalmente.

O policial não se encontrava em casa e quando chegou os ânimos já estavam nas alturas. Pelas imagens observa-se que até objetos são atirados no veículo do policial quando ele tentava colocar o carro na garagem, como garrafas e pedras, coisa que a Globo não mostrou na reportagem. Frases pejorativas como “polícia de merda”, “policinha vagabundo” e etc foram as menores publicáveis.

Assistam os vídeos: