Frejat empossa novo diretório do PR no Gama com a presença de Filippelli e Paulo Octavio

0
3473

Na estrada

O PR empossou mais uma comissão provisória no DF. Desta vez foi a zonal do Gama. O evento contou com a presença do pré-candidato ao GDF Jofran Frejat, do presidente Alexandre Bispo, do deputado federal Laerte Bessa, do distrital Bispo Renato e da presidente do PR Mulher Flávia Arruda.

Demonstração de apoio

Representantes de outros partidos também marcaram presença. O presidente do PMDB Tadeu Filippelli e o ex-governador Paulo Octavio (PP) foram levar seu apoio ao Frejat e ao PR. A ex-prefeita de Cidade Ocidental Gisele Araújo, o ex-administrador de Riacho Fundo 1 e Paranoá Artur Nogueira e o ex-administrador de Santa Maria Neviton Sangue Bom também passaram por lá.

Lado a lado

Chamou a atenção a presença maciça de policiais civis. Uma forte demonstração de que tanto o federal Laerte Bessa, quanto a polícia civil, como categoria, vão marchar ao lado de Frejat.

Ganhou mais uma

O ex-governador José Roberto Arruda foi novamente absolvido no caso do jogo do Brasil x Portugal. O amistoso foi em 2008 no estádio Bezerrão do Gama. Arruda já tinha sido absolvido em 1ª instância. O recurso do Ministério Público foi negado em segunda estância. Os desembargadores entenderam que não houve superfaturamento na contratação da empresa organizadora do jogo.

Rumo ao Senado

Representantes do setor produtivo do Distrito Federal declararam apoio para que o ex-senador Paulo Otavio se candidate mais uma vez ao Senado Federal. Estiveram com Paulo Octavio o presidente da Associação Comercial do Distrito Federal (ACDF) Cleber Pires; o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal (Fecomércio-DF) Adelmir Santana; o presidente do Sindicato do Comércio Varejista do Distrito Federal (Sindivarejista) Edson de Castro; o presidente da Associação de Empresas do Mercado Imobiliário do Distrito Federal (ADEMI/DF) Paulo Roberto de Morais Muniz; e o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal (Sinduscon-DF) Luiz Carlos Botelho .

Candidato tubarão

Vários pré-candidatos a deputado distrital estão pressionando os presidentes de partidos. O receio é que, em cima da hora, candidatos com muitos votos se filiem aos partidos e os candidatos com menos votos sejam usados como bucha de canhão. Como sempre acontece.

Revolta dos pequenos

Um grupo de pré-candidatos pretende deixar os partidos na mão caso isso aconteça e prometem não fazer campanha e deixar o partido sem atingir os votos mínimos para atingir o quociente eleitoral.

Caso Eliana

Nas eleições de 2014, a candidata a deputada federal Eliana Pedrosa foi vítima dessa situação. Seu sobrinho, Eduardo Pedrosa, foi lançado candidato a deputado distrital, foi o mais votado do partido, mas a legenda não atingiu o mínimo para elege-lo. Eliana nem conseguiu se eleger e nem eleger o sobrinho.

Ex-administrador condenado

O ex-administrador do Paranoá, Agamenon Borges, foi condenado pela Justiça. O entendimento foi de que ele teria determinado a liberação de R$ 35 mil para pagar uma empresa que levaria bandas para a festa de 49 anos do Paranoá. O evento ocorreu em 2006 e a tramitação da contratação teria ocorrido sem licitação.

Fonte: Conectado ao Poder