Em pesquisa do Ibope, Fraga já está em terceiro tecnicamente empatado com Eliana e Rosso com apenas 9 dias de campanha

0
661
Fraga: "Ninguém chuta cachorro morto"

Tem coisas que só a política entende. A pesquisa do Ibope divulgada hoje aponta os três nomes mais cotado para um possível segundo turno da campanha ao GDF. Eliana (14%), Rollemberg (12%) e Alberto Fraga (10%) estão praticamente empatados tecnicamente na corrida ao Palácio do Buriti. O galã do eleitorado feminino do DF, Rogério Rosso, aparece em quarto lugar com 8% das intenções de votos.

Se formos comparar, nessa corrida o que mais foi beneficiado foi o candidato da coligação PR/PSDB e DEM Alberto Fraga (DEM-DF). Sem recursos suficientes e com uma campanha midiática simplória, Fraga chega ao terceiro lugar com apenas 9 dias de campanha. Talvez essa seja uma resposta da sociedade aos políticos do que ela realmente quer.

Os demais candidatos, que também concorrem a cadeira 01 do Palácio do Buriti, aparecem da seguinte forma: General Paulo Chagas (PRP) e o petista Júlio Miragaya reúnem, cada um, 3% da preferência dos eleitores. O empresário Alexandre Guerra (Novo), Fátima Sousa (Psol) e Ibaneis Rocha (MDB) pontuaram com 2%. Mesmo com toda sua grana, nota-se que Ibaneis não consegue decolar. Será que a imagem de Filippelli está assustando o eleitorado?

Essa foi a primeira pesquisa realizada pelo instituto após a oficialização das candidaturas ao Governo do Distrito Federal (GDF). Foram ouvidos 1.204 eleitores com mais de 16 anos de todas as regiões do DF, entre os dias 21 e 23 de agosto. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral local (TRE-DF), sob o número DF-03959/2018. Segundo o Ibope, a confiança nos dados é de 95%.

Confira os números:

Eliana Pedrosa (Pros): 14%
Rodrigo Rollemberg (PSB): 12%
Alberto Fraga (DEM): 10%
Rogério Rosso (PSD): 8%
General Paulo Chagas (PRP): 3%
Júlio Miragaya (PT): 3%
Fátima Sousa (PSOL): 2%
Ibaneis Rocha (MDB): 2%
Alexandre Guerra (Novo): 2%
Renan Rosa (PCO): 1%
Antônio Guillen (PSTU): 0%
Brancos e nulos: 31%
Não souberam ou não responderam: 12%

Da redação com informações do metrópoles.com

Por Poliglota…