Park Way está revitalizado após ação do GDF Presente

0
94

Região administrativa recebe 500 mudas de árvores do cerrado e conclui 90% das demandas de tapa-buracos

Postado por Poliglota…

O Park Way está de cara nova graças à parceria do GDF Presente com a administração regional. Serviços de recolhimento de entulhos, capina, lavação, tapa-buracos e plantação de mudas de árvores são responsáveis pelo novo visual da cidade. E o trabalho só está no começo.

Para que as atividades fossem realizadas, foi elaborado um plano de ação que aponta as prioridades de trabalho em cada uma das quadras do Park Way. Foram gastas mais de 10 toneladas de massa asfáltica para concluir 90% das demandas de tapa-buracos da localidade. Cerca de três quilômetros de calçadas nas quadras 7, 12 e 13 receberam capina, lavagem e recolhimento de entulho, trabalho que produziu um total de 90 caminhões carregados de lixo.

Mudas são produzidas no próprio viveiro do Park Way | Foto: Administração do Park Way

A moradora do Setor de Chácaras do Park Way Ticiane Pimenta Cabral, 38 anos, afirma já ter se tornado um hábito a presença da equipe atuando na sua região. “Estou vendo com frequência o GDF Presente trabalhando aqui. Eu acho que nós estamos sendo muito bem atendidos, não tenho o que reclamar”, relata.

De olho no início do período chuvoso, o grupo de trabalho também atuou, preventivamente, na limpeza de bocas de lobo e na desobstrução de canaletas. De acordo com informações do coordenador executivo da Administração do Park Way, Eder Pereira de Castro, todas as bocas de lobo da região foram desentupidas.

“A nossa preocupação é atender todo o Park Way. Estamos trabalhando de uma maneira muito ágil e muito eficiente junto ao GDF Presente. Nosso objetivo é zerar ou quase zerar todas as solicitações da comunidade”, destaca Eder.

Também foram abertas 500 covas para plantio de árvores do Cerrado nas quadras 13, 9, 12 e 10. A administração foi responsável por produzir as mudas (foto acima) e o GDF Presente ficou incumbido da missão de abrir novos berços, como também são chamados os pontos de semeadura. A comunidade realizará o plantio, no próximo sábado (9), de espécies como ipês amarelo, branco e roxo, pé de pequi, jatobá, baru, saveira, landim, saboneteira, angico, ingá, copaíba e pajeú.

Para a escolha das regiões que receberão as mudas, um planejamento foi traçado para definir locais sem arborização e áreas em que a própria comunidade solicitou as árvores. Tudo isso é realizado após estudos sobre a viabilidade do plantio, para que eventuais transtornos não sejam causados à população.

A equipe do Polo Central 2 do GDF Presente encerra seus trabalhos no Park Way nesta quarta-feira (6). Em seguida, o grupo de trabalho partirá para Núcleo Bandeirante, onde atuará entre os dias 7 a 13 de novembro, e para a Candangolândia, entre os dias 14 e 20.

Fonte: Agência Brasília