GDF revisa números da proposta de reajuste a forças de segurança

0
1061
JP RODRIGUES/METRÓPOLES

Secretaria de Segurança solicitou que todos os índices fossem analisados pela Secretaria de Economia “para que não haja dúvidas”

Postado por Poliglota…

A Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF) informou, na noite desta sexta-feira (22/11/2019), ter solicitado que todos os índices da proposta de reajuste salarial de bombeiros e policiais militares fossem analisados pela Secretaria de Economia “para que não haja dúvidas”.

Segundo a pasta, “inúmeras reuniões foram realizadas para que se chegasse a valores finais adequados para a tropa, dentro da responsabilidade fiscal que a governança pública prega”. No entanto, diante dos questionamentos de militares sobre os números resultantes da proposta, e “considerando que estes envolvem critérios técnicos específicos da área econômica”, a SSP-DF resolveu pedir uma nova análise.

 “A valorização dos efetivos das forças é uma meta diária não só desta secretaria, mas do governador Ibaneis Rocha (MDB), que determinou pessoalmente que todos os esforços fossem feitos na adoção de medidas nesse sentido, sendo uma delas a recomposição salarial”, disse, por meio de nota.

Técnicos do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar também verificam o texto a fim de indicarem sugestões de adequação a ele. “As forças de segurança vão apontar as inconsistências ao secretário de Segurança [Anderson Torres] na segunda-feira [25/11/2019]”, afirmou o governador do DF em exercício, Paco Britto (Avante).

De acordo com o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Carlos Emilson, a “linguagem contábil” das forças tem termos e estratificações muito específicas, de difícil conhecimento para técnicos sem vivência nas corporações. “A determinação do governador, Ibaneis Rocha, será cumprida: haverá o equilíbrio entre as forças”, assinalou. O comandante postou a mensagem na conta de Instagram oficial do Corpo de Bombeiros.

Veja: https://www.instagram.com/p/B5Lp1vMAPFu/

Matéria completa: Metropoles.com