Morre um dos sete internados com doença misteriosa em Minas

0
211
Paschoal Demartini estava internado em Juiz de Fora - Reprodução / Record TV Minas

Postado por Poliglota via SOS Brasília…

Paschoal Demartini Filho, de 55 anos, estava internado em Juiz de Fora, a 270 km de BH; pacientes tiveram insuficiência renal e alterações neurológicas

Morreu na noite desta terça-feira (7) um dos sete pacientes que estavam internados com uma doença misteriosa em Minas Gerais que causa insuficiência renal aguda e alterações neurológicas nos pacientes.

Paschoal Demartini Filho, de 55 anos, estava hospitalizado em Juiz de Fora, a 270 km de Belo Horizonte. A Ses (Secretaria de Estado de Saúde) foi notificada sobre o quadro dele no último 31 de dezembro.

Demartini Filho foi internado com os mesmos sintomas que outros seis homens, com idades entre 23 e 76 anos. Ao menos três deles moram no bairro Buritis, uma área nobre da região Oeste de Belo Horizonte, onde Demartini passou as festas de fim de ano com a família.

Segundo a Ses, os doentes apresentaram náusea, vômito, dores abdominais, paralisia facial, perda de visão parcial ou total, alteração de sensório e paralisia descendente. O quadro dos enfermos teve piora rápida, em até 72 horas.

A causa da doença ainda é investigada. Uma força-tarefa formada por representantes de órgãos municipais, estaduais e federais foi montada para apurar o caso.

Após o registro das ocorrências, o Governo de Minas determinou que os médicos devem alertar a Secretária de Saúde em até 24 horas caso atendam algum paciente com sintomas parecidos.

A Funed (Fundação Ezequiel Dias) está realizando exames laboratoriais para analisar a possível ocorrência de doenças como “arboviroses, febres hemorragicas, infecções bacterianas e fungicas sistêmicas, doenças neurolinvasivas e intoxicações exógenas”.

Fonte: R7