Ibaneis Rocha garante início de teste de trens do VLT ligando Valparaíso ao DF

0
531

Por Poliglota via blog tudooknoticias.com.br

Por Maurício Nogueira

Uma reivindicação antiga, finalmente, teve uma resposta concreta e vai sair do papel. Trata-se do funcionamento do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) em fase de testes em 60 dias, com a duração de seis meses.

Após reunião com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, para tratar sobre o projeto do VLT que ligará Brasília a Valparaíso (GO), em fase de teste por seis meses, o governador Distrito Federal (DF), Ibaneis Rocha detalhou sobre o período de teste do projeto. Antes desse período o VLT estará em funcionamento por 60 dias em caráter experimental, para adaptação dos usuários.

“Vamos fazer primeiro os convênios, porque o GDF vai aportar parte dos recursos para ajudar a subsidiar esse período de operação. Então o prazo agora é para confecção do convênio com a CBTU e junto ao VLT. Porque como eles não estão querendo bancar o valor total da operação experimental, nós estamos entrando com parte dos recursos do Distrito Federal (R$ 400 mil) para poder facilitar essa operação. Para isso, tem que ser feito um termo de convênio com a CBTU”, afirmou o governador.

“O governo do Distrito Federal vai entrar com esses R$ 400 mil para agilizar facilitar a implementação do projeto, durante esses meses de estudos”, detalhou Ibaneis. O investimento total é de R$ 3,4 milhões, sendo R$ 1 milhão do governo federal e R$ 2,4 milhões do governo do DF.

Segundo ele, a reunião foi muito positiva e o ministro saiu muito satisfeito, inclusive gostou da disponibilidade do DF em ajudar no projeto e vai buscar também o apoio do Governo de Goiás para que realmente essa operação saia do papel.

“E ela venha a acontecer no Distrito Federal, aliviando todo esse sofrimento de uma população enorme que todos os dias enfrenta um engarrafamento desumano”, complementou Ibaneis Rocha. O trecho compreenderá a rodoferroviária, no DF, até Valparaíso (GO). Segundo projeto, as composições com 600 passageiros atingirão, inicialmente, velocidade de 39 km/h.