Sargento Bonina: O “Véi da 12” é baleado na Ceilândia

1094

Conhecido por “Véi da 12”, o sargento da reserva José Carlos Bonina, que durante as ocorrências sempre ostentava uma espingarda calibre .12 e durante o serviço ativo era o “terror” da vagabundagem na Ceilândia, por causa das muitas apreensões de drogas e armas,foi baleado na madrugada desta segunda-feira (30/12/2019), em Ceilândia Norte. O caso ocorreu próximo ao Sesc,em frente ao Show de Morar, onde ele estava parado dentro do carro. Dois suspeitos armados anunciaram o assalto e o policial reformado reagiu.

Houve troca de tiros e o sargento foi baleado na clavícula. Os suspeitos fugiram do local e ainda não foram localizados. O militar da reserva foi socorrido ao Hospital Regional de Ceilândia (HRC) onde passou por procedimento cirúrgico e está consciente e estável, segundo informações da Comunicação Social da PMDF.

Câmeras de segurança do Edifício Allegro e de vizinhos próximos ao local registraram o momento do crime. As imagens mostram quando Bonina está dentro do veículo e dois homens se aproximam. Um deles saca uma arma que estava na cintura. Em seguida, o policial da reserva reage e abre fogo pelo para-brisas do veículo. Diante da troca de tiros, os ladrões se separam e correm para lados opostos. Um deles aparenta ter sido baleado.

Mesmo atingido, o militar desce do carro e chega a caminhar antes de se sentar encostado em um muro, até o momento que passa uma viatura na rua e o militar pede socorro.

O Sargento Bonina foi Candidato ao cargo de Deputado Distrital no Distrito Federal pelo PMN, ele utilizou o nome Sgt Bonina – Véi da 12 e obteve 9.456 votos totalizados (0,64% dos votos válidos) mas não foi eleito nas Eleições 2018, ficando em primeiro suplente na coligação.

Da redação do Policiamento Inteligente