População aprova ônibus com portas dos dois lados

88
Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Passageiros que usaram coletivos na EPTG nesta segunda-feira destacaram, principalmente, a economia de tempo e a segurança ao atravessar a vida

Postado por Poliglota…

Os ônibus com portas dos dois lados começaram a circular nesta segunda-feira (13) no corredor exclusivo da EPTG – e, a partir de agora, durante todos os dias da semana.  A medida agradou os usuários.

A diarista Cinthia Almeida, 32 anos, desembarcou na parada em frente a Vicente Pires, onde trabalha. “Achei mais seguro. A porta é virada para a parada. E eu desço do ônibus e posso atravessar pela passarela até o outro lado”. Moradora do Riacho Fundo II, ela fez a integração até Taguatinga e embarcou em um ônibus para a EPTG.

Erenice: rápido e seguro | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

A doméstica Erenice Pinto Pereria, 35 anos, também a aprovou a iniciativa. “Além de ser mais rápido, é mais seguro. E eu esperei menos na parada hoje”, contou.

A medida irá beneficiar aproximadamente 56 mil usuários – o equivalente a 86,4% da demanda (ou 65 mil passageiros que circulam pela EPTG em linhas com destino à Rodoviária do Plano Piloto, W3 Sul e W3 Norte.  Já as linhas semiexpressas transportam cerca de 9 mil passageiros, o equivalente a 13,6%).

Segundo a Secretaria de Transporte e Mobilidade do Distrito Federal (Semob), 160 ônibus com portas dos dois lados vão circular no corredor exclusivo. As empresas que farão a operação com os novos coletivos são Urbi, com 46 ônibus; Marechal, com 39; e São José, com 75 veículos.

Além disso, 42 linhas passarão pela via, sendo 21 com destino à Rodoviária do Plano Piloto, 15 para a W3 Sul e seis no  trajeto para a W3 Norte. No local, também circularão 11 linhas semiexpressas de veículos com porta apenas do lado direito, uma vez que esses ônibus não desembarcam passageiros ao longo da via.

Os passageiros continuarão embarcando nos abrigos do canteiro central, mas precisam observar o lado em que os ônibus irão passar.

Faixa reversa

Com a chegada dos ônibus equipados com portas dos dois lados, a Semob encerrou a operação da faixa reversa na EPTG. A operação consistiu em permitir o trânsito dos coletivos na primeira faixa da via inversa, nos horários de pico entre 6h e 9h (sentido Taguatinga-Plano Piloto) e das 17h30 às 19h45 (sentido Plano Piloto-Taguatinga) nos dias úteis.

A faixa reversa possibilitou que os ônibus circulassem com as portas voltadas para as paradas do canteiro central – o que tornou mais ágeis o embarque e o desembarque dos passageiros. A medida, adotada provisoriamente até a chegada dos veículos com portas também do lado esquerdo, alcançou o objetivo de diminuir em até 30 minutos o tempo de viagem no transporte coletivo.

EMANUELLE COELHO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA *

 *Com informações da Semob